Natureza Humana e o Sentido da Vida (A)

Através do autoconhecimento, o homem se avalia, reflexiona e se posiciona diante da vida. Na condição de espírito milenar em contínuo processo evolutivo, sua vida será resultado de suas escolhas, movidas pela natureza que lhe é peculiar. Cada um de nós chegou até o espiritismo por diversas vias, por variadas motivações e peculiares razões, pois, neste mundo em que reencarnamos novamente, as dores e os sofrimentos que trazemos para os devidos tratamentos são comuns a quase todos nós. Nossa dor, ou o peso de nossa cruz, não é injusta, nem é desproporcional na sua intensidade, natureza e duração. Nos é facultada e nunca imposta, tem sempre uma razão de existir e precisa ser compreendida para ser assimilada. Tudo faz sentido, tudo tem seu sentido neste vasto planejamento que preside o destino de todos os seres! "É a fé o remédio certo do sofrimento; ela mostra sempre os horizontes do infinito, diante dos quais se apagam os poucos dias sombrios do presente". Allan Kardec. Espiritismo, Ciência, Natureza, Transformação, Evolução, Expiação.

Autor:Carlos Eduardo Accioly Durgante Elizabeth Schuck
Publisher:FERGS Editora
Postado por:30 de março de 2020
Peso:428 KB
Livro de capa dura Natureza Humana e o Sentido da Vida (A):por